Eu

Confrontar com o poema da página 14

Confesso que não me sinto só.
Sei que eu sou vários eus,
que me compõem,
partilhando
saudades.
E todos lutamos por fazer-nos
um lugar.

Um dos meus eus apresenta a sua demissão. Não quer ser poeta.

E volta á casa no Natal.

O eu dum poeta (psicologia?) é uma secção: não substitui, não transporta, não muda o sentido.
CHUS PATO

78

Post navigation

Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de usuário. Ao continuar no site está a consentir a utilização das cookies e a aceitação da nossa política de cookies. ACEPTAR

Aviso de cookies